Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Cresce o número de jovens com Aids no Pará - Web Radio Nova Independente

Fale conosco via Whatsapp: +55 093 992020015

No comando: Madrugada light

Das 00:00 às 05:00

No comando: Recanto Sertanejo da Nova!

Das 05:00 às 07:00

No comando: Sertanejo Bom Demais

Das 05:00 às 07:00

No comando: PAINEL SERTANEJO/Locução: Diego Elias

Das 06:00 às 07:00

No comando: CAFÉ COM BENÇÃO

Das 07:00 às 09:00

No comando: Domingo top da Nova!

Das 07:00 às 16:00

No comando: Sabadão da Nova

Das 07:00 às 16:00

No comando: PELA MANHÃ/ Locutor: ELIVALDO FERELO

Das 09:00 às 11:00

No comando: BRASIL SHOW/Locutor: Rone

Das 11:00 às 13:00

No comando: JORNAL VIROU NOTÍCIA

Das 13:00 às 13:30

No comando: PAINEL MPB/Locutor: Diego Elias

Das 13:30 às 14:30

No comando: Nossa Tarde é Show

Das 14:30 às 16:30

No comando: POP SERTANEJO/Locução: Kleber

Das 16:00 às 17:00

No comando: Jornada Esportiva da Nova!

Das 16:00 às 19:00

No comando: Jornada Esportiva da Nova!

Das 16:00 às 19:00

No comando: Super Night

Das 19:00 às 00:00

No comando: Super Noite da Nova

Das 19:00 às 00:00

No comando: A VOZ DO BRASIL/EBC

Das 19:00 às 20:00

No comando: SAMBRASIL

Das 20:00 às 22:00

No comando: LOVE SONGS/Locução: Kleber

Das 22:00 às 00:00

Cresce o número de jovens com Aids no Pará

Data deve aquecer vendas em sexshops e aumentar procura por motéis
Por: O Liberal6 de Setembro de 2018 às 07:25

O Dia do Sexo, que é festejado hoje, promete aquecer as vendas em sexshops e aumentar a procura por hotéis e motéis da cidade. Mas, muito além de comemorar, a data é importante para alertar a população sobre os riscos de contrair doenças sexualmente transmissíveis e gravidez não planejada.

Dados da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE), de 2012, afirmam que 89,1% dos adolescentes já receberam orientação sobre DST e Aids; 82,9%, informações de como evitar gravidez e 69,7% dos entrevistados também sabiam que era possível adquirir preservativos gratuitamente no Sistema Único de Saúde (SUS). O estudo também mostra que 28,7% dos jovens já iniciaram a vida sexual. O uso do preservativo na última relação sexual esteve presente em 75,3% dos casos.

Segundo dados do Ministério da Saúde, o índice de Aids entre quem possui de 15 a 19 anos aumentou 30% de 2010 a 2014. No Pará, em 2015, 25 jovens desenvolveram Aids nessa faixa etária e outros 61 foram diagnosticados com HIV. No ano seguinte, 20 novos casos de Aids e 56 de HIV foram confirmados no Estado para a mesma faixa etária. Em 2016, 506 pessoas desenvolveram Aids e outras 718 descobriram ter o vírus HIV, somando todas as idades.

A Secretaria de Estado de Saúde Pública no Pará (Sespa) informa que existe uma rede de serviço, ligada à secretaria, especializada no trabalho de prevenção e no monitoramento dos pacientes soropositivos. Ao todo, o Estado dispõe de 74 CTAs e 25 SAEs. “O governo trabalha como um articulador e um facilitador. Discutimos as estratégias que serão usadas na prevenção da doença e treinamos os profissionais das unidades municipais que atuarão diretamente com o paciente”, esclarece a coordenadora estadual DST/ Aids da Sespa, Deborah Crespo.

De acordo com a Sespa, os casos de hepatite e sífilis têm diminuído no Estado. Em 2015, foram registrados 1.102 casos de hepatite. No ano seguinte, a totalidade de casos (tipo A, B e C) foi de 748. Este ano, até o momento, já são 17 casos confirmados de hepatites no Pará, dos quais 13 positivos para B, três para C e um para o tipo A. Já a sífilis atingiu 377 pacientes em 2014; 426 em 2015; e 254 até junho de 2016.

Deixe seu comentário: