Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Alimentação do paraense sobe o dobro da inflação no ano - Web Radio Nova Independente

Fale conosco via Whatsapp: +55 093 992020015

No comando: Madrugada light

Das 00:00 às 05:00

No comando: RECANTO SERTANEJO

Das 05:00 às 07:00

No comando: Domingo top da Nova!

Das 07:00 às 16:00

No comando: Sabadão da Nova

Das 07:00 às 16:00

No comando: CAFÉ COM BENÇÃO

Das 08:00 às 09:00

No comando: Esquenta/ Locutora:

Das 09:00 às 10:00

No comando: VOCÊ QUE MANDA/Locutor:

Das 10:00 às 11:00

No comando: Top Hits/Locutor:

Das 11:00 às 12:00

No comando: JORNAL VIROU NOTÍCIA

Das 13:00 às 13:30

No comando: VELHARIA/Locução:

Das 13:00 às 14:00

No comando: Coração Sertanejo/Locução:

Das 15:00 às 17:00

No comando: Jornada Esportiva da Nova!

Das 16:00 às 19:00

No comando: Jornada Esportiva da Nova!

Das 16:00 às 19:00

No comando: BOTEQUIM SERTANEJO/Locução: ELENILTON BATISTA

Das 17:00 às 19:00

No comando: Super Night

Das 19:00 às 00:00

No comando: Super Noite da Nova

Das 19:00 às 00:00

No comando: A VOZ DO BRASIL/EBC

Das 19:00 às 20:00

No comando: Top Hits Noturno

Das 20:00 às 21:00

No comando: Velharia Noturno

Das 21:00 às 22:00

No comando: Ponto do Amor/

Das 22:00 às 00:00

Alimentação do paraense sobe o dobro da inflação no ano

Produtos como o feijão tiveram alta de mais de 50%, enquanto o tomate teve queda de 27%

Redação Integrada

 

O custo da alimentação básica dos paraenses em 2019 teve reajuste acumulado de 8,32%, mais que o dobro da inflação estimada para o mesmo período, em torno de 4,1%. É o que mostra o levantamento divulgado nesta quinta-feira (9) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese-PA).

Segundo o levantamento, a maioria dos produtos que compõem a alimentação básica dos paraenses apresentou aumento de preço. Alguns produtos passaram de 50%.

Feijão: 69,97%

Carne bovina: 44,57%

Óleo de soja: 18,51%

Açúcar: 9,96%

Banana: 4,74%

De acordo com o Dieese/PA, no período, poucos produtos básicos da mesa dos paraenses tiveram preços reduzidos.

Tomate: -27,42%

Café: -10,19%

Leite: -9,03%

Farinha de mandioca: -2,85%

Deixe seu comentário: