Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Bolsonaro defende mudanças na legislação para combater a violência - Web Radio Nova Independente

Fale conosco via Whatsapp: +55 093 992020015

No comando: Madrugada light

Das 00:00 às 05:00

No comando: Recanto Sertanejo da Nova!

Das 05:00 às 07:00

No comando: Sertanejo Bom Demais

Das 05:00 às 07:00

No comando: PAINEL SERTANEJO/Locução: Diego Elias

Das 06:00 às 07:00

No comando: CAFÉ COM BENÇÃO

Das 07:00 às 09:00

No comando: Domingo top da Nova!

Das 07:00 às 16:00

No comando: Sabadão da Nova

Das 07:00 às 16:00

No comando: PELA MANHÃ/ Locutor: ELIVALDO FERELO

Das 09:00 às 11:00

No comando: BRASIL SHOW/Locutor: Rone

Das 11:00 às 13:00

No comando: JORNAL VIROU NOTÍCIA

Das 13:00 às 13:30

No comando: PAINEL MPB/Locutor: Diego Elias

Das 13:30 às 14:30

No comando: Nossa Tarde é Show

Das 14:30 às 16:30

No comando: POP SERTANEJO/Locução: Kleber

Das 16:00 às 17:00

No comando: Jornada Esportiva da Nova!

Das 16:00 às 19:00

No comando: Jornada Esportiva da Nova!

Das 16:00 às 19:00

No comando: Super Night

Das 19:00 às 00:00

No comando: Super Noite da Nova

Das 19:00 às 00:00

No comando: A VOZ DO BRASIL/EBC

Das 19:00 às 20:00

No comando: SAMBRASIL

Das 20:00 às 22:00

No comando: LOVE SONGS/Locução: Kleber

Das 22:00 às 00:00

Bolsonaro defende mudanças na legislação para combater a violência

Manifestação ocorre após ameaça feita contra ele nas redes sociais

Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro defendeu hoje (11) mudanças na legislação com a participação de todas as esferas de todos os Poderes e da imprensa para impedir o avanço da violência no país. A afirmação foi feita em referência a um vídeo que pode ser visto na conta pessoal de Bolsonaro no Twitter.

Nas imagens, aparece um prédio incendiado no Ceará e uma voz masculina ameaçando o presidente com xingamentos. As ameaças fazem referência às declarações de Bolsonaro no sentido de endurecer a política de combate à violência.

“Note a necessidade mais que urgente de se mudar a legislação com participação de todas as esferas de Poderes e Imprensa”, esceveu o presidente destacando a palavra “imprensa” com letra maiúscula.

Ao se referir ao vídeo, Bolsonaro afirmou que a população precisa ter uma resposta urgente e que não aceita ameaças. “Não porque o marginal ameaça, citando meu nome, mas para mostrar ao povo ordeiros de que lado estão o Executivo, Legislativo e Judiciário.”

Minutos depois, em um novo tuíte, o presidente destacou que os criminosos “sabem exatamente o que fazem”. “Combatê-los é simples e rápido, mas requer que os Poderes permitam mecanismos para realmente defender a população”, acrescentou. Segundo Bolsonaro, “é necessário [adotar] ações para que os agentes de segurança possam dar a efetiva resposta”.

Ataques no Ceará

A onda de violência no Ceará começou há mais de uma semana. Prédios e ônibus são incendiados, e moradores temem sair às ruas por causa dos riscos constantes.

A Força Nacional foi enviada à região para atuar com os agentes de segurança locais, assim como presos considerados mais perigosos foram transferidos para presídios federais.

Deixe seu comentário: